TROVAS EM PORTUGUÉS

Todo lo publicado en esta revista esta sujeto  la ley de propiedad intelectual de España” Ley 21/2014 de 4 de noviembre, por la que se modifica el texto refundido de La ley de Propiedad Intelectual, aprobado por Real Decreto  Legislativo 1/1996 del doce de abril, y la ley 1/2000, de siete de enero de Enjuiciamiento Civil” todos los derechos están reservados .Luna Sol Internacional está registrada ante la propiedad intelectual de España y el copyright de Estados Unidos

TROVAS AO VENTO

(Eugénio de Sá)

Tal como a nave que orça
À força da ventania
A vontade verga à força
Do enredo que calunía.
***
Bem quero silenciar
A estridência do remorso
Mas se o peito a libertar
Açaimá-la eu não posso

Sem os caminhos da luz…
Não penses que tu te elevas.
Se a escuridão… já traduz,
o que se passa nas trevas!!!

Ana María Guerrice Gouveia

No meu mundo de utopia,
tudo é possível… e, assim,
eu busco na fantasia
o que a vida nega a mim!

Delcy Rodrigues Canalles


Sem asas para voar
e a voar sem mesmo tê-las,
na utopia de um sonhar,
alcanço o céu e as estrelas.

Dulcídio de Barros Moreira Sobrinho


Criança sem pão, sem teto,
na rua nas noites frias;
ter comida, lar e afeto
são as suas utopias.

Madalena Ferrante Pizzatto


Se lutar pela igualdade
chamam de louca utopia,
quero ter a liberdade
de ser louco todo dia.

Edweine Loureiro da Silva

Sem controle dos meus ritos,
mesmo em momentos tristonhos…
Abraço os sonhos e os mitos,
na utopia dos meus sonhos!

Professor Garcia


Árduas barreiras transponho,
lutando com ousadia,
para que meu grande sonho
jamais se torne utopia!

 
Glória Tabet Marson

Querer a paz não é sonho
e nem mesmo fantasia…
é meu direito, suponho,
sei que não é utopia!

              Therezinha Tavares   

Nos meus sonhos viajando
era feliz e sorria,
de repente despertando
 descobri que era utopia!…

 Nair Lopes Rodrigues

Há milênios, é utopia
conquistar-se a paz mundial,
mas o homem é – que ironia! –
chamado de “racional”!

Wanda de Paula Mourthé

Vejo na casa vazia
o teu vulto em cada canto.
E se não fosse utopia,
perderia todo o encanto …

Antonio Colavite Filho